Yahoo não será vendido, diz presidente-executiva

yahoo-rot

A nova presidente-executiva do Yahoo!, Carol Bartz, descartou a possibilidade de vender a companhia depois de um prejuízo de US$ 303 milhões no último trimestre de 2008, noticiou o jornal britânico The Guardian. No mesmo período do ano anterior, a empresa teve um lucro de US$ 206 milhões.

Os resultados, divulgados na noite desta terça-feira, são os últimos da liderança de Jerry Yang, que foi substituído por Carol há duas semanas. Segundo o site do jornal britânico The Times, ela declarou que não entrou no Yahoo para vendê-lo, e que ainda está se familiarizando com a companhia.

Os lucros do Yahoo vêm caindo especialmente por causa dos efeitos da crise econômica sobre a indústria mundial de publicidade.

Os planos de Carol para a empresa envolvem uma reestruturação organizacional. No último mês, 1,5 mil funcionários – cerca de 10% da força de trabalho da companhia – foram demitidos.

Os números do último trimestre de 2008 foram anunciados logo depois de a Microsoft apresentar resultados inferiores aos esperados, enquanto os lucros do Google cresceram 18% no mesmo período.

Fonte: Terra

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp